Os Legítimos da Sustentabilidade
Conteúdo

 PERFIL E PRÁTICAS DOS CONSTRUTORES DO FUTURO

Século 21: mais verde, mais limpo, e menos insustentável

 

 Por Marilena Lino de Almeida Lavorato

 

Primeiro ano da segunda década do novo século e já se vislumbra mudanças significativas no modo de pensar e agir das lideranças e seguidores de uma sociedade em construção.

  

Líderes atuantes nos 03 setores da economia defendem novas idéias e posturas e as coisas começam a acontecer na pratica. Ainda não no ritmo e intensidade que precisamos, mas há avanços. Discutem-se temas antigos sob o prisma de um novo olhar aumentando a massa critica em torno de temas relevantes. E esta massa critica suficientemente informada para não se deixar envolver por discursos não convergentes com práticas e o famoso Green washing das falsas lideranças, começa a interferir no processo de construção do futuro.

 

 O FUTURO JÁ COMEÇOU

  

 Acontecimentos pontuais (ambientais, sociais e econômicos) com impactos globais ganham espaço nas mídias tradicionais e são intensamente discutidos nas mídias sociais e eventos técnicos dirigidos, fortalecendo ainda mais a musculatura e poder da massa crítica junto a opinião pública.

  

Dentro deste contexto despontam lideranças reconhecidas e admiradas por esta massa crítica. São pessoas físicas ou jurídicas que pensam e agem fora do lugar comum, que lidam bem com o pensamento complexo e a pluralidade, enxergando oportunidades onde outros ainda são resistentes e pagam para ver. São inovadores por excelência, éticos e interativos por opção, lideres por vocação genética. Esta combinação de competências está no DNA deste novo líder que aponta caminhos e soluções.

  

PASSAR PELO CRIVO DA MASSA CRITICA É LIDERAR  

  

Em se tratando de sustentabilidade, temos muita propaganda e pouco resultado prático comprovado. Mas nem tudo é Green washing, há empresas e instituições inovando e se destacando no mercado e sociedade.

  

São lideranças que estão fazendo a coisa certa e não tem medo nem receio da massa critica, pelo contrário, se beneficiam desta aproximação e compartilham suas práticas e produtos sem constrangimentos. São lideranças legítimas e genuínas em suas áreas de atuação provando que é possível, viável e competitivo conciliar desenvolvimento econômico com harmonização social e ambiental.  São no momento o contraponto ao Green washing, e estão construindo um futuro mais verde, mais limpo e menos insustentável.

  

 

ONDE ENCONTRAR OS LEGÍTIMOS LÍDERES DA SUSTENTABILIDADE

  

 Encontramos estes líderes em eventos técnicos dirigidos, compartilhando e interagindo com a massa critica sem grandes alardes, e com a racionalidade e coerência esperada de um líder. Compartilham suas inovações, visões e práticas com a tranqüilidade e segurança de quem é lider, reconhecendo que interagir e dialogar é uma das suas principais responsabilidades.

  

Sabem que o mercado e sociedade, espera, cobra, e premia, aqueles que tomam para si a tarefa de inovar e construir, preferencialmente, juntos e com transparência. Mercado e Sociedade são ávidos por inovações tecnológicas ou gerenciais que melhorem o desempenho socioambiental das atividades humanas e a qualidade de vida dos consumidores.

  

A empresa ou instituição com práticas, produtos e ações que estão inseridos dentro deste contexto terão a oportunidade de participar de Julho Sustentável promovido pelo Instituto MAIS nos dias 26, 27 e 28 de Julho, no Centro de Eventos São Luis, em São Paulo. Existem 03 portas de entrada para a empresa ou instituição com tais requisitos e competencias:

 

Ranking Benchmarking: Selo de Sustentabilidade para os detentores das melhores práticas de sustentabilidade, 9ª edição – Inscrições de cases até 30/05 – www.benchmarkingbrasil.com.br/    

Para conhecer as 125 empresas participantes e que alimentam o maior banco digital de praticas de sustentabilidade de livre acesso do país, click AQUI

  

FIBoPS – Feira e Congresso Internacional:  Mostra das práticas, produtos e ações pro-sustentabilidade para massa critica formadora de opinião (93% superior completo e/ou especialização), 4ª edição – www.fibops.com.br/  

Para conhecer as empresas participantes da edição anterior, click AQUI 

 

BenchMais2: Obra referência em gestão socioambiental com 198 cases de sustentabilidade que foram selecionados pelo Ranking Benchmarking nas 08 edições já realizadas, artigos e depoimentos de especialistas, e prefácio da Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, 2ª edição. Para saber mais sobre esta edição, click AQUI

  

BOAS PRÁTICAS, QUEM TEM MOSTRA E COMPARTILHA

  

 (*) Marilena Lino de Almeida Lavorato, especialista em gestão socioambiental, Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto MAIS, e idealizadora do Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro.

 

São Paulo, 09 de Maio de 2011

 

 Mais informações:

Instituto MAIS (Mais Atitude Instituto Socioambiental)

Fones: (11) 3257-9660/ 3729-9005/ 3637-4457/ 3637-4459

www.institutomais.org

  

O I+ é uma organização não governamental sem fins lucrativos com a missão de construir uma nova cultura pró-sustentabilidade.

O Programa Benchmarking e a FIBoPS são atividades do calendário 2011 – CEBoPS (Compromisso Empresarial pelas Boas Práticas Socioambientais)


inscricao

programacao

sejaexpositor

como_chegar

apoiadores

Nuvem de Tags

2013 abraps Ambiental Ambiente Benchmarking biblioteca Cases certificado CIBoPS cidadania Congresso Conhecimento cultural de economia expositores Feira FIBoPS fotos imagens imprensa indicadores intercambio internacional ludico Palestrantes Parceiros patrocinadores profissional projetos ranking releases Responsabilidade rimai simai social Socioambiental Sustentabilidade tecnologia

Bloggertwitterfacebook
youtubelinkedinflickr

 Flag_Brasil Flag_espanha flag_USA




                                                                              

Apoio:  Logo_anhembi_morumbi_claro            Realização:Instituto Maismaisprojeto